Moscovitas são seres animados

Blog_RussaUfa! Passado o último serviço na embaixada, saímos cansados porém com aquela sensação boa de trabalho bem realizado. Já deu para experimentar Moscou, vislumbrar sua arquitetura impressionante e até fazer duas refeições em dois lugares incríveis. No Uzbekistan, como o nome indica, serve-se comida da ex-república soviética, mas também de outras regiões do Oriente. É um dos mais antigos da cidade e fica próximo ao famoso teatro Bolshoi. No Shinok provamos da comida ucraniana – suculentas carnes grelhadas, dos mais variados bichos, e os vareniky, raviolões com recheios diversos. Saímos lambendo os beiços.

Nos demos o direito ainda a uma passada pelo Café Pushkin, o mais conhecido restaurante e café 24 horas de Moscou. A sensação é a de estar fazendo uma refeição dentro de um palácio, com direito a uma boquinha na biblioteca. Além de bem alimentados até agora, Carol, Carlos e eu estamos chocados com tamanha animação. Todos os lugares têm música, pistas de dança e, claro, um bando de russos sorridentes falando com você na língua pátria sem a menor cerimônia. Pouquíssimos arriscam um inglês. Ah! Estamos também com os bolsos mais vazios do que planejamos – Moscou é caro pra chuchu.


Posts Relacionados

  • Aperitivo à moda russaAperitivo à moda russa A viagem do mês passado à Rússia serviu para aprender muita coisa, experimentar outras tantas e voltar a estar em contato com o jeito […]
  • CCC na ex-CCCP ou… estou em Moscou!CCC na ex-CCCP ou… estou em Moscou! Cheguei hoje em Moscou. Eu e meus fiéis escudeiros Carlos Siffert e Carolina Brandão – os CCC, rsrs – vamos participar do Festival de […]