Aperitivo à moda russa

A viagem do mês passado à Rússia serviu para aprender muita coisa, experimentar outras tantas e voltar a estar em contato com o jeito mais russo que existe de se sentar para comer: o zakuski.

O zakuski é o equivalente local a uma mesa de tapas espanhóis, antipasti italianos ou hors d’oeuvre franceses, ou seja, uma seleção de comidinhas, daquelas que muitas vezes acaba tornando a refeição dispensável, sabe? E, no caso dos russos, serve principalmente para acompanhar as (muuuitas) doses de vodca.Blog_vudka_1

Não por acaso, come-se o zakuski sempre sentado: cada um recebe seu pratinho e um garfo e, no centro da mesa, misturam-se as iguarias quentes e frias. O cardápio e a forma variam de região para região, mas, de acordo com Anya Von Bremzen – uma moscovita que emigrou para os Estados Unidos e escreveu em 1990 um verdadeiro manual do zakuski, Please to the Table –, o mais comum é ver três pratos frios seguidos por três quentes.

A variedade é enorme, e a única regra – se é que tem alguma – é que são comidas de sabores marcantes, com personalidade: ovos recheados, arenque com cebola crua, vários tipos de peixes defumados, queijos curtidos no alho, chucrute, o chamado “caviar de cogumelo” – um cogumelo cortado fininho, salteado na manteiga e bem temperado –  e, nas mesas requintadas, o verdadeiro caviar, direto do Mar Cáspio.

O zakuski pode ser servido no almoço ou no jantar. Ou ainda, segundo o livro de Von Bremzen, “quando quer que os russos estejam prontos para tomar uma boa vodca, lá pelas 4 ou 5 horas da tarde”. Portanto, se alguém um dia te convidar para um zakuski, você já sabe do que se trata: forrar bem a barriga, levar o copinho para o alto e Ваше здоровье*!

*Saúde!


Posts Relacionados

  • Moscovitas são seres animadosMoscovitas são seres animados Ufa! Passado o último serviço na embaixada, saímos cansados porém com aquela sensação boa de trabalho bem realizado. Já deu para […]
  • CCC na ex-CCCP ou… estou em Moscou!CCC na ex-CCCP ou… estou em Moscou! Cheguei hoje em Moscou. Eu e meus fiéis escudeiros Carlos Siffert e Carolina Brandão – os CCC, rsrs – vamos participar do Festival de […]