Edinho Engel no Dalva e Dito, por enquanto…


Sabe onde jantei essa semana? No restaurante Dalva e Dito, do chef Alex Atala. Mas, dessa vez, ele que me perdoe, pois fui lá para prestigiar (e atrás da comida, é claro) o meu querido amigo Edinho Engel que, até o dia 21/4, serve seus menus especialíssimos no almoço e no jantar.

Esse evento faz parte da iniciativa de Alex de trazer a São Paulo sabores de todo o Brasil. Para isso, convidou 8 chefs de estados diferentes que, no decorrer do ano, também vão criar cardápios com receitas exclusivas de suas regiões. Edinho inicia essa série com um cardápio pra lá de criativo.

Minha relação com Edinho vem de longa data… sempre fui fã  do Manacá, seu restaurante em Camburi, e do Amado, meu preferido de Salvador. Ele sabe trabalhar divinamente o regionalismo em suas panelas. É o litoral paulista, é a Bahia, é sua Minas natal… é tudo junto e misturado em seus temperos, que tem a capacidade de, num piscar de olhos, transportar a gente numa viagem para vários cantos do Brasil.

Aliás, por isso mesmo, convidei Edinho para preparar uma feijoada sergipana no meu programa Brasil no Prato, cuja segunda temporada vai ao ar em junho pelo canal Bem Simples. A gravação foi uma farra, até cantar juntos, cantamos!

E como eu sei que muita gente além de mim adoraria desfrutar da cozinha do Edinho sem sair de São Paulo, aí vai um furo (com certeza vou levar uma bronca dele por estar fazendo isso, mas, no final, a gente se entende): em breve, o chef deve inaugurar uma rotisserie em Sampa, com umas quatro ou cinco mesinhas. Já falei pra ele que quatro ou cinco mesinhas não vão dar pro cheiro e que é bom ele já ir pensando em dobrar esse espaço.

Bom, mas enquanto isso não acontece, uma ótima oportunidade de provar sua comida é dar um pulo lá no Dalva e Dito durante essa semana. O menu conta com ótimas sugestões, como o beiju de tapioca e o mini acarajé, servidos no couvert do almoço, e a Linguiça de javali, no jantar. Entre os pratos principais, estão o Risoto de linguiça e feijão e a Costelinha de queixada confitada. Para a sobremesa, Terrine de chocolate com confit de mexerica, pudim e tapioca ou mousse de coco com baba de moça… demais! Não percam!


Posts Relacionados

  • Londres: experimentações gastrômicas e aprendizadoLondres: experimentações gastrômicas e aprendizado Que tal investir em seus dotes culinários no velho continente? Além de um evento no The Lab agora em Abril (que inclui o brasiliero Alex […]
  • Fazendo BoloFazendo Bolo Dias 3, 4 e 5 de maio (sexta-feira, sábado e domingo) no Hotel Grand Hyatt São Paulo tem o 7º Paladar Cozinha Brasil. O evento […]